Posts Recentes

Pausa Temporária

Artefactos Servidor 5

Top de Alianças

Servidor Clássico ou Vers...

Conquistar um Oásis

Segunda Aldeia

Chefe das Missões

Primeira Semana

Primeiras Horas

De Volta ao Travian

Novo Servidor 5

Fim/Pausa

Reabertura Servidor 3

Tipos de Farms

Aldeia Natar

Parabéns Wolves - sergioj...

Final Renhido

Mais Cereais no Travian

Maravilhas e Planos

Nova Versão T3.5

    Adicionar ao Messenger travianblog@sapo.pt
Pesquisar
 
Comentários
Boas amigo eu tou com 6 aldeias e meus pojntos de...
Então só para esclarecer a crop 15 (cereais) é ger...
Bom, sou novo no travian, até estou indo bem até a...
Ola amigoNO caso se tiveres artefato e varios gran...
Este jogo já la vai a uns bons anos, gostaria de t...
Tu nao és o cara que sempre bate TOP 1 em ataque? ...
Eita! X em excesso.
Boa noite! Seu blog era legal e já faz 2 anos que ...
Gostaria de saber isso tambem
Não se pode ser natariano. O jogo e que controla o...
Links Úteis
O jogo Travian é um jogo de estratégia on-line, onde milhares de pessoas competem entre si.
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Arquivos

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Subscrever Feeds
Sábado, 12 de Julho de 2008
Mais Tropas

Quando à duas semanas atrás falei num aumento de tropas no Travian, a minha estratégia passou por desenvolver os campos de recursos nas aldeias perto da capital, assim como o Mercado, para na altura certa começar a enviar recursos para a aldeia onde iria começar a desenvolver as tropas.

 

A vantagem de ser Romano começa-se agora a notar, com a possibilidade de evoluir campos de recursos e edifícios ao mesmo tempo. Só assim foi possível em pouco tempo ter duas aldeias a enviar constantemente recursos para a capital.

 

Unidades militares em treino

Unidades militares em treino

 

Nesta fase de jogo, as tropas atacantes em treino chegaram às 300 unidades, demorando mais de três dias até estarem todas prontas e gastando um total de 180.000 recursos, distribuídos da seguinte maneira:

 

- 45.000 Madeira

- 48.000 Barro

- 63.000 Ferro

- 24.000 Cereais

 

O aumento de tropas não foi apenas de infantaria, tendo construído também Equites Caesaris e Catapultas. Este aumento de tropas vai ser para manter nos próximos tempos, uma vez que na capital, uma aldeia com 15 campos de cereais, continuo a ter uma produção superior a 500 cereais por hora.

 

Escusado será dizer que de dia para dia, as minhas posições nas estatísticas vão subindo, começando agora a ocupar posições mais cimeiras em diversas tabelas, o que irá também chamar mais a atenção de outros jogadores bem posicionados. Em breve irei colocar no blog as tropas que finalmente já possuo na capital.

Publicado por Admin às 00:08
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
35 comentários:
De hyena a 12 de Julho de 2008 às 23:16
tas a evoluir bem, no speed espero alcançar isso também

bom jogo
De Travian a 12 de Julho de 2008 às 23:19
Olá hyena,

Sim, agora que tenho algumas aldeias a produzirem bastantes recursos as coisas tornam-se mais simples, e já é possível ter uma boa produção de tropas.

Em breve coloco algumas novidades relativamente ao número de unidades que já consegui juntar.
De hyena a 16 de Julho de 2008 às 20:23
ok, eu vou agora pa 2º aldeia, sou teutão, pa fazer os colonos teutões é bué lixado pois pede bué crop, eu tou a produzir 10 de crop, tenho 300 tropas.
De Travian a 16 de Julho de 2008 às 20:25
Tens de aumentar essa produção!
De lol_oliveira a 14 de Julho de 2008 às 14:51
eu sou novata no travian, comecei à pouco tempo.
como faço para ter uma tropa?
eu já tive uma k me desapareceu no mesmo instante, pk sofri um ataque. e nao sei como fazer um exercito.
o meu servidor é o speed.
De Travian a 16 de Julho de 2008 às 20:34
Olá,

Para construíres um exercito é necessário algum tempo e que durante esse período não sejas atacada.

Começa por construir algumas tropas e faz ataques a jogadores que te parecem que tenham desistido do jogo. Desta forma irás conseguir alguns recursos que podes mais tarde gastar em tropas.

Se estiveres a ser atacada, o melhor é atacares alguém durante o tempo que não podes estar online. Por exemplo, de noite o melhor é atacar alguém que está a 5h de distância e que tenha uma população muito baixa. Desta forma as tuas tropas não estão na aldeia se alguém te atacar.

De resto, é apenas necessário entrares no quartel e colocares a construir Bárbaros. Utiliza sempre o mercado para acertares os recursos.
De nandaevc a 6 de Agosto de 2008 às 04:46
E como evitar ser atacado?
Eu tbém comecei agora, ganhei um rato, mas perdi. Não tenho nada, só o quartel e o ponto de encontro. Como começar do zero, criar um personagem, ou enviar moradores para treinarem para serem defensores?
E minha popul~ção, não me defende em nada?
De Travian a 13 de Agosto de 2008 às 10:42
Olá,

Evitar ser atacado é complicado, mas se tiveres alguma atenção a quem atacas talvez te mantenhas longe de problemas durante uns tempos.

Para construíres tropas de defesa precisas de construir o Quartel, só depois é que podes fazer tropas. A população da tua aldeia é um indicativo do desenvolvimento da mesma e não tem qualquer influência na defesa da aldeia.
De filipa_6 a 14 de Julho de 2008 às 17:09
parabéns,o teu blog tá altamente e está-me a ajudar muito, pq ainda sou uma principiante.
mas precisava de ajuda...:S
não tou a conseguir progredir, pq tou constantemente a ser farmada e nem seqer tenho hipoteses de reunir tropas suficientes!!
alguma dica??:P
ah!!a minha tribo são os romanos!

obrigada!=)
De Travian a 16 de Julho de 2008 às 20:41
Olá Filipa,

Obrigado pelo comentário!

Tinha respondido num outro tópico a esse assunto, mas repito aqui o que disse na altura:

A solução poderá não ser simples, mas recomendo que tentes o seguinte:

- Experimenta enviar uma mensagem a quem te ataca a pedir que pare de o fazer por uns tempos. Diz que és uma jogadora activa que o poderás ajudar no futuro;
- Se ele recusar o contacto, procura uma aliança que aches que te ajuda, por vezes é a melhor solução;
- Se conseguires, aumenta os esconderijos, a muralha e as armadilhas no caso de seres gaulês;
- Se tudo o resto falhar, aposta no ponto anterior e na construção de tropas defensivas. Preocupa-te em juntar algumas, assim como aumentar os níveis da construções ditas antes.

Para evitares que as tuas tropas morram nos ataques tens algumas soluções. Podes enviar as tropas como reforço para uma aldeia de um amigo, para um oásis teu ou efectuar ataques a aldeia com pouca população e que fiquem a várias horas de distância.

Vai dando novidades e boa sorte!
De hyena a 17 de Julho de 2008 às 12:45
meu, tens quantas aldeias??
De Travian a 17 de Julho de 2008 às 12:47
Olá,

Neste momento tenho entre 5 a 8 aldeias.

Não vou divulgar aqui o número exacto de aldeias para evitar alguma exposição.
De hyena a 19 de Julho de 2008 às 12:54
meu, o teu blog tá excelente...
podias era começar a fazer mais posts!!!

bom jogo e bom blog, hyena
De Travian a 19 de Julho de 2008 às 13:00
Olá,

Obrigado pela crítica!

Pois, eu sei que tornava as coisas mais interessantes se aumentasse a frequência dos posts, mas por outro lado talvez tornasse a leitura mais desinteressante.
De hyena a 19 de Julho de 2008 às 23:06
acho que não, pelo menos é a minha opinião, podias pôr posts de como está a tua aldeia neste momento!!!
por exemplo...

bom jogo e bom blog, hyena
De Travian a 19 de Julho de 2008 às 23:10
O próximo post, que está para breve, será sobre a minha capital e as tropas que vou reunindo. Queria também aproveitar para falar no conjunto de links úteis que adicionei na coluna do lado direito, que espero que venha a ajudar alguns jogadores.

Possivelmente amanhã vão existir novidades, mas tarde.

Obrigado pela força!
De hyena a 20 de Julho de 2008 às 11:34
ok, na boa, obrigado por postares mais....

bom jogo e bom blog, hyena
De General Romano a 20 de Julho de 2008 às 23:14
Acho interessante que se ache tmbám interessante ter 300 tropas e produção na crop de 500... Então para que conste os meus imperianos ultrapassam os 6 mil e tenho mais de 4 mil cavalinhos... ;) bom jogo
De Travian a 20 de Julho de 2008 às 23:41
Olá,

É provável que muitos jogadores que lêem este blog tenham mais tropas do que eu, e sou o primeiro a admitir isso. Se reparares não estou em nenhum top 100, a não ser a aliança, que se encontra entre as 10 primeiras.

De resto faço o meu jogo e partilho neste blog algumas ideias e estratégias.

Bom jogo!
De Mário a 24 de Julho de 2008 às 21:31
Dae tranquilo,

Muito legal o seu espirito de auxilio incondicional, admiravel!
Tenho uma duvida! Comecei a jogar Travain a pouco tempo mas minha aldeia esta a evoluir rapido em média 12 hab por dia, pois estou fazendo uma estratéfia de equilibrar a produção de recursos. Mas sempre mantenho 3 campos de cereais com 1 nivel a frente dos demais. Estou fazendo certo?

E quando eu começar a ser atacado por acaso é possivel que meus campos de produção de ferro barro, madeira ecereais diminua, ou sejam destruidos? Ou eles são imunes?
Agradecido
Mário
De Travian a 25 de Julho de 2008 às 04:47
Olá Mário,

Muito obrigado pelas críticas!

Começando pelas últimas perguntas, é possível que outro jogador baixe o nível dos teus campos de recursos, mas para isso precisa de te atacar com catapultas e acertar nos campos. Para de alguma forma evitares que tal aconteça, constrói tropas de defesa e aumenta o nível da Muralha/Paliçada/Barreira e da Residência/Palácio. Se fores gaulês, constrói ainda algumas armadilhas.

Em relação à produção de recursos, no último servidor os assaltos que fazia rendiam muitos cereais, e por isso não me preocupava muito com a produção dos mesmos. Neste servidor, já é mais complicado obter mais cereais, mas procuro sempre ter uma produção elevada de Madeira, Barro e Ferro, e dependendo da fase de jogo, uma produção de cereais entre 20 e 400 cereais por hora.
De Mário a 25 de Julho de 2008 às 13:27
Valeu !

Hum... Interessante o que vc falou. Mas, por exemplo nos Gauleses existem tropas que é aconselhável deixar na defesa e não no ataque, (pois são específicas para a defesa) e vice-versa?
De Travian a 25 de Julho de 2008 às 15:17
Sim, tens razão, há tropas que não deves utilizar para atacar ou defender. Repara neste post onde digo as tropas que tenho:

http://travian.blogs.sapo.pt/8724.html

Podes reparar que as Falanges, Cavaleiros Druida e os Haeduanos podem ser utilizados para defender. Todos os outros podem ser utilizados num ataque (Trabuquetes e Aríetes apenas em ataques em modo normal e Batedores enviados sozinhos).
De Sérgiodx a 25 de Julho de 2008 às 15:34
Olá novamente. Tenho uma dúvida de língua portuguesa e, se preferires, nem é necessário postar este comentário. É o seguinte: no começo desse tópico e em diversas conversas neste blog, percebi que você lusitanos utilizam o artigo "a" craseado (à) no lugar onde deveriam utilizar o verbo haver (há)! Já vi isto inclusive em outros escritos portugueses. É simplemente uma simplificação ou é uma forma correta de escrever em português de Portugal? Se não quiseres postar este comentário, eu peço que me respondas, se o fores fazer, no meu email: sergiowr@gmail.com. Obrigado.
De Travian a 25 de Julho de 2008 às 16:07
Pegando na frase: "Quando à duas semanas atrás..."

É uma boa pergunta e nem sei se a frase está correcta ou se realmente existe um erro. Normalmente utilizo o "há" para algo que existe e o "à" para tudo o resto, mas julgo já ter lido uma frase idêntica à de cima escrita da seguinte forma: "Quando há duas semanas atrás...", por isso tenho as minhas dúvidas.

Consultando um dicionário de Língua Portuguesa, Priberam, encontro:

há:
- 3ª p. do sing. do pres.do indic. do verbo haver.

à:
- contr. da prep. a com o art. def. a;
- contr. da prep. a com o pron. dem. a.

Assim, eu escolho o "à" por exclusão de partes, uma vez que não me parece que o "há" que fosse utilizar seja a 3ª p. do sing. do pres.do indic. do verbo haver.
De Ricardo a 4 de Agosto de 2008 às 19:05
Bem, tendo em conta que essa é uma questão comum para muita gente - que fale português do Brasil ou português de Portugal - já agora também entro na discussão ;).

O «à» sozinho utiliza-se sempre com acento grave «`» e é utilizado como uma preposição. Como exemplo, «vou à praia».

As dúvidas normalmente colocam-se porque por vezes é difícil de perceber qual a função exacta do «à» ou «há» na frase. Mas pegando no teu exemplo, Travian, realmente existe aí um erro.

"Quando à duas semanas atrás..." o «há», aqui, é de «haver». Por exemplo, e mundando a frase, «Haviam duas semanas decorridas...». Como tal, no teu exemplo, escreve-se "Quando há duas semanas atrás..."

Espero que tenha sido útil ;). Cumprimentos!
De Travian a 5 de Agosto de 2008 às 02:53
Olá Ricardo,

Eu tinha essa dúvida porque já tinha visto em determinado lugar o uso do "há" em vez do "à". Terei de ter mais atenção para a próxima.

Obrigado pela correcção!
De Ricardo a 5 de Agosto de 2008 às 03:27
De nada, Travian ;).

Mas já agora, e se pudesses, gostava muito que me desses a tua opinião sobre o desenvolvimento da minha aldeia. Já fez um mês e dois dias de existência no servidor 5 e neste momento conto com as seguintes tropas:

40 Legionários
80 Pretorianos
150 Imperianos
10 Equites Legati
12 Equites Ceasaris

A nível de infra-estruturas, já conta com Palácio a nível 1, Muralha a nível 9 e Moínho a nivel 2 (entre outros edifícios que se asseguram óbvios). Tive bastante sorte no mapa, uma vez que raramente sou atacado. No entanto, as farms, apesar de abundarem, protegem-se bem com esconderijos o que torna por vezes difícil arranjar recursos.

Estou numa fase em que não sei muito bem agora para onde me virar. Tenho bastantes recursos para desenvolver, mas também sinto necessidade de criar cada vez mais tropas. Conquistar outra aldeia não faz, para já, parte dos meus planos, uma vez que quero ainda assegurar convenientemente a segurança desta.

Qual é a tua visão desta situação? O que farias no meu lugar?

Cumprimentos,

Ricardo.
De Travian a 13 de Agosto de 2008 às 11:02
Olá Ricardo,

Julgo que vais no bom caminho, tens bastantes tropas de ataque e de defesa, além de já possuíres a Muralha a nível 9.

Se quiseres podes comparar com o meu desenvolvimento quando jogava à um mês:

http://travian.blogs.sapo.pt/2484.html

No teu lugar desenvolvia os Trovões Theutate, são unidades de ataque muito rápidas e que conseguem transportar uma grande quantidade de recursos, irá dar muito jeito em assaltos.

Não penses em desenvolver uma outra aldeia sem teres mais tropas de defesa e os campos de recursos bem desenvolvidos. Convém que a nova aldeia seja perto da Capital, tornará as coisas mais fáceis.

Comentar post